Cronópios e Famas -Julio Cortázar







A dança dos Famas

Os famas cantam em redor os famas cantam e se mexem
— CATALA TRÉGUA TRÉGUA ESPERA
Os famas dançam no quarto com lampiõezinhos e cortinas dançam e
cantam dessa maneira
— CATALA TRÉGUA ESPERA TRÉGUA
Guardas das praças, como deixam sair os famas, como deixam que eles
andem soltos cantando e dançando, cantando catala trégua trégua, dançando trégua
espera trégua, como podem?
Se ainda os cronópios (esses verdes, eriçados, úmidos objetos) andassem
pelas ruas, se poderia evitá-los com um cumprimento:
— Boas salenas cronópios cronópios.



 *pic: Roberto Bieto



Acontece que os cronópios não querem ter filhos, porque a primeira coisa
que um cronópio recém-nascido faz é insultar estupidamente seu pai, em quem
percebe sombriamente a acumulação de desventuras que um dia serão as suas.
Em vista de tais razões, os cronópios acodem aos famas para que estes lhes
fecundem as mulheres, coisa que os famas estão sempre dispostos a fazer por se
tratar de seres libidinosos. Além do mais eles acham que desta forma irão minando
a superioridade moral dos cronópios, mas se enganam redondamente, pois os
cronópios educam os filhos à sua maneira, e em poucas semanas lhes tiram
qualquer semelhança com os famas.



*pic: Roberto Bieto



Relógios

Um fama tinha um relógio de parede e dava-lhe corda todas as semanas
COM GRANDE CUIDADO. Passou um cronópio e ao vê-lo pôs-se a rir, foi para
casa e inventou o relógio-alcachofa ou alcaucil
outra maneira.

O relógio-alcaucil deste cronópio é um alcaucil da espécie grande, preso
pelo caule a um buraco da parede. As incontáveis folhas do alcaucil marcam a hora
atual e além do mais todas as horas, de maneira que basta o cronópio arrancar-lhe
uma folha para saber a hora. Como ele as vai arrancando da esquerda para a direita,
a folha marca sempre a hora exata, e cada dia o cronópio começa a tirar uma nova
rodada de folhas. Ao chegar ao coração, o tempo já não se pode medir, e na infinita
rosa roxa do centro o cronópio encontra um grande prazer, então come-a com
azeite, vinagre e sal, e põe outro relógio no buraco.
Mas os famas.
Eugenesia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...