Nova York - Albany

poema de Lawrence Ferlinghetti
traduzido por Vinicius Tobias


 Deus eu tinha esquecido como
o Hudson inflama
no outono indiano
Saugerties
Coxsackie
o outono se esvai através
de todas essas árvores
As folhas morrem girando
caídas caem
caídas dentro da lama do escuro
amarelas dentro da noite
Desaparecendo 
caídas caem caídas
deus deus essas
'multidões precipitantes-pestilentas'
correndo dentro das ruas
a soprar tudo maldito
Eles estão machucando-as
com rastelos de madeira
Eles estão rastelando-as
em grandes montes
Eles estão queimando-as
senhor senhor
folhas se contorcem queimando
a fumaça espiralada sobe
para a eternidade
Nunca
nunca a mesma folhagem volta novamente
as mesmas folhas queimam
senhor senhor
em um campo vermelho
um garanhão branco para
e mija seu esquecimento
sobre essas folhas
regando a minha janela de ônibus
que só agora assombreou
por uma ponte coberta
nós brilhamos através
apenas uma vez
Sem passagens de volta 
Senhor senhor nunca voltar
os jovens anos caídos
atrás das
árvores do Under the Linden no Boston Common
Senhor Senhor
Árvores pensam
através dessa floresta de anos
Elas ardem para sempre
com seus pensamentos
Senhor Senhor
eu não via a eternidade
a outra noite 
mas agora no ardor 
está nascendo o dia
Senhor Senhor Senhor
todos os arbustos queimam
Lambidas apaixonadas
tudo abaixo
Tudo foi
no fim vermelho
Senhor Senhor Senhor Senhor
Pequenas nozes caem
As minhas também


 



Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...